24 abril 2014

Quando o bebê começa a falar.


Estimule o bebê a falar em nove passos.

Fonoaudiólogos ensinam como fazer a criança imitar as palavras dos pais logo cedo.

Ele mal abre a boca e os pais já começam a imaginar coisas, de tão esperada que é a primeira palavra do bebê. Qualquer balbucio ou gemido é entendido como o primeiro sinal de que a criança vai começar a falar - e haja expectativa em torno desse desenvolvimento.
 
 "Normalmente, a partir dos seis meses, o bebê já expressa as primeiras sílabas, como bababa ou papapa", afirma a fonoaudióloga Debora Befi-Lopes, coordenadora do Departamento de Linguagem da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia. Com 12 meses, já há chances de ouvir "mamãe" ou "papai".

Algumas crianças demoram um pouco mais, o que não deve ser encarado como um problema pelos pais. "Só é preocupante quando a criança passa dos 24 meses sem produzir palavras e a ajuda de um fonoaudiólogo passa a ser necessária", diz a especialista. Para que esse desenvolvimento da linguagem ocorra dentro do esperado, aproveite os cuidados com o bebê indicados por especialistas.

Diga sempre a pronúncia correta

Desde os primeiros meses, o bebê tenta imitar o que vê: movimentos de boca, piscadas de olhos, sorrisos, entre outras ações. Com os sons, não é diferente. "A criança aprende observando, daí a importância de falar corretamente com ela", diz a fonoaudióloga Debora. Se ela aprender errado, pode ter um trabalho danado mais tarde para conseguir corrigir.

Fonte: http://www.minhavida.com.br/familia/galerias/15410-estimule-o-bebe-a-falar-em-nove-passos


0 comentários:

Postar um comentário